4.28.2006

Para aprimorar

Convalescer. Curar. Limar. Esmerar. Apurar. Polir. Melhorar. Crescer. Todos os dias são inícios.

8 Comments:

At sexta-feira, 28 abril, 2006, Blogger ? said...

boa! muito mais moralizado! com os inicios a cada dia! fantástico! gracias Zofia

 
At sexta-feira, 28 abril, 2006, Blogger Caroço said...

Todos os dias também são fins..

 
At domingo, 30 abril, 2006, Blogger João said...

Sábia ;)
São inícios e são únicos, também.

 
At domingo, 30 abril, 2006, Anonymous Hugo said...

Diariamente
(Marisa Monte)

Para calar a boca: Rícino
Pra lavar a roupa: Omo
Para viagem longa: Jato
Para difíceis contas: Calculadora
Para o pneu na lona: Jacaré
Para a pantalona: Nesga
Para pular a onda: Litoral
Para lápis ter ponta: Apontador
Para o Pará e o Amazonas: Látex
Para parar na pamplona: Assis
Para trazer à tona: Homem - Rã
Para a melhor azeitona: Ibéria
Para o presente da noiva: Marzipã
Para Adidas o Conga: Nacional
Para o outono a folha: Exclusão
Para embaixo da sombra: Guarda-Sol
Para todas as coisas: Dicionário
Para que fiquem prontas: Paciência
Para dormir a fronha: Madrigal
Para brincar na gangorra: Dois
Para fazer uma toca: Bobs
Para beber uma coca: Drops
Para ferver uma sopa: Graus
Para a luz lá na roça: 220 volts
Para vigias em ronda: Café
Para limpar a lousa: Apagador
Para o beijo da moça: Paladar
Para uma voz muito rouca: Hortelã
Para a cor roxa: Ataúde
Para a galocha: Verlon
Para ser moda: Melancia
Para abrir a rosa: Temporada
Para aumentar a vitrola: Sábado
Para a cama de mola: Hóspede
Para trancar bem a porta: Cadeado
Para que serve a calota: Volkswagen
Para quem não acorda: Balde
Para a letra torta: Pauta
Para parecer mais nova: Avon
Para os dias de prova: Amnésia
Pra estourar pipoca: Barulho
Para quem se afoga: Isopor
Para levar na escola: Condução
Para os dias de folga: Namorado
Para o automóvel que capota: Guincho
Para fechar uma aposta: Paraninfo
Para quem se comporta: Brinde
Para a mulher que aborta: Repouso
Para saber a resposta: Vide - o - Verso
Para escolher a compota: Jundiaí
Para a menina que engorda: Hipofagi
Para a comida das orcas: Krill
Para o telefone que toca
Para a água lá na poça
Para a mesa que vai ser posta
Para você o que você gosta
Diariamente

;)

Hugo
(http://letras.terra.com.br/letras/47279/)

 
At segunda-feira, 01 maio, 2006, Blogger naked said...

Viver!
Sempre o verbo mais importante!
Naked

 
At terça-feira, 02 maio, 2006, Blogger Zofia said...

Amar :)

 
At terça-feira, 02 maio, 2006, Anonymous Hugo said...

A Outra Banda da Terra
Caetano Veloso

Amar
Dar tudo
Não ter medo
Tocar
Cantar
No mundo
Pôr o dedo
No lá
Lugar
Ligar gente
Lançar sentido
Onda branda da guerra
Beira do ar
Serra, vale, mar
Nossa banda da terra é outra
E não erra quem anda
Nessa terra da banda
Face oculta, azul do araçá
Falar verdade
Ter vontade
Topar
Entrar
Na vida
Com a música
Obá
Olá
Brasil
Mas quem pariu
Tal gente!
Cantuária e Holanda
Maputo, Rio
Luanda, lua
Nossa banda da terra é outra
Canadá, Jamaicuba
Muitas gatas na tuba
Dos rapazes da banda cá
Gozar
A lida
Indefinidamente
Amar

... não tem fim ;)

Hugo

 
At terça-feira, 02 maio, 2006, Blogger Zofia said...

Caetano Veloso :)
Beijinho Hugo.

 

Enviar um comentário

<< Home