1.23.2006

Confundo-me em ti


Levo as mãos à garganta. À minha garganta. Expiro os males. Expiro os medos. Inspiro os nossos segredos. E levo as mãos à garganta. À tua garganta. Porque o teu prazer é o meu e o meu beijo, só teu.

20 Comments:

At segunda-feira, 23 janeiro, 2006, Anonymous Anónimo said...

Lindo. Lindo......

 
At segunda-feira, 23 janeiro, 2006, Blogger Mak, o Mau said...

Isso não é o que aquele cozinheiro de S. Tomé e Principe costuma dizer? Não a matemática do beijo, mas o "Lindo, lindo" ;)

 
At terça-feira, 24 janeiro, 2006, Anonymous Aquele cozinheiro de S. Tomé e Príncipe said...

"Lindo, lindo! Põe aquela musiquinha gostosa Kalu!"

 
At terça-feira, 24 janeiro, 2006, Anonymous Ricardo said...

Wow...belo...cheira a amor!!! Beijo!!!

 
At terça-feira, 24 janeiro, 2006, Anonymous ana caeiro said...

pediste-me 1 pedaço de mim. quando vim embora. não pediste. tiraste. como eu te tirei 1 pedaço também. é meu. não chega. menti-te. não te deixei levares-me 1 pedaço.

(são só frases que me surgiram quando li o teu post, nada mais. além disso, não tenho mesmo talento para escrever, não surjam confusões)

 
At terça-feira, 24 janeiro, 2006, Blogger Zofia said...

Amiga, pára de dizer que não tens talento para escrever.
Tens.
O fundamental é amarmos as palavras e os sentimentos que elas nos transmitem. Gostarmos de as delinear. Seja um escape, uma necessidade, seja rotina, seja beleza... seja uma forma de mostrar o teu amor ou de te partilhares.
Ler e escrever eleva. Seja como for e porque for.
Gosto muito de ler o que escreves.
Beijinhos amiga.

 
At terça-feira, 24 janeiro, 2006, Anonymous ana caeiro said...

;-) obrigada amiga.

 
At terça-feira, 24 janeiro, 2006, Anonymous andré v. said...

andré - humm mto bem.. com tão poucas palavras e tanto para reflectir... gostei.. ;) eheh

 
At terça-feira, 24 janeiro, 2006, Anonymous ana caeiro said...

e ecoar.

 
At terça-feira, 24 janeiro, 2006, Anonymous Mestre André said...

1 + 1 = 1. (Juntos, nos completamos.)

0 + 1 = 2. (Sem ti sinto-me vazio.)

1 + 1 = 3. (Se o preservativo rebentar.)

 
At terça-feira, 24 janeiro, 2006, Blogger Zofia said...

1 + 1 = 7 (cinco filhos é um bom número)

 
At terça-feira, 24 janeiro, 2006, Blogger lex said...

Gimme5 (not a punch)

 
At terça-feira, 24 janeiro, 2006, Blogger Luisa Santos said...

1+1=3 (e, e...) bolas, 5, sou alguma gata???????
1+1=3 (ele, ela, a sogra)
1+1=4 (ele, ela, as sogras)

contas não são comigo, definitivamente.

 
At terça-feira, 24 janeiro, 2006, Blogger Mauro Rodrigues said...

Sentias as palavras travadas na garganta e não sabias como tirá-las de lá. Estavas muda. Tentavas
equilibrar-te no escuro das tuas vozes internas que sinalizavam em todas as direcções. Faltavam
caminhos de terra no meio e muitas ruas no asfalto. Não querias seguir por elas. Deste vazão ao silêncio
externo e deixaste a vida falar um pouco.

Maior apenas a saudade.

 
At quarta-feira, 25 janeiro, 2006, Blogger Zofia said...

Tao giro Mauro...
:)

 
At quinta-feira, 26 janeiro, 2006, Anonymous RAG said...

Simplesmente sensacional a transmitir as sensações! Gostei mesmo muito!Dá prazer ler!

 
At quinta-feira, 26 janeiro, 2006, Blogger Zofia said...

;) Obrigada. Beijinho.

 
At quinta-feira, 26 janeiro, 2006, Anonymous Mestre André said...

Mauro? a pintar com palavras...

diria até um haiku extendido!

aquele Abraço

 
At sábado, 11 fevereiro, 2006, Anonymous Blimunda said...

E~stão aqui uma série de ideias profundas, Fico sempre tocada quando leio, textos tão profundos.
1)Porque amo o amor
2) Porque amo as palavras e as ideias
3) Porque a conjugação das duas alineas anteriores: A exteriorização dos sentimentos através das palavras è o clímax

 
At quarta-feira, 15 fevereiro, 2006, Blogger Zofia said...

:)

 

Enviar um comentário

<< Home