12.27.2005

O quarto de um obeso

Um buraco na cama grande, feito ao longo dos tempos. Um homem obeso, que sofre de gula. O excesso do consumo alimentar, o desperdício. O consumismo. A obesidade tornou-se uma degradação, uma transgressão à lei da vida porque enquanto uns morrem de fome, este empanturra-se de comida. O único objectivo da vida do Carlos é comer. Comer muito e bem. Um prato enorme numa mesa que simboliza este homem que se confunde com a própria comida. Receitas de comida espalhadas por todo o lado. Fotografias de pratos de comida em todo o lado, em molduras. Comida, doces, sobremesas, todas meias comidas distribuídas aleatoriamente pelo quarto. Ao limite podíamos ter uma cama de chocolate, uma cómoda de baunilha, tapetes de natas. Roupas XXL atiradas ao acaso, umas no chão, outras nos móveis, porque a organização do quarto está posta de lado dado que o mote da vida deste homem é comer. Uma televisão, um sofá, e um tabuleiro no sofá, ainda com comida. Nódoas nas roupas de ketchup, mostarda e maionese, pedaços de comida a decorar o sofá e a cama. Carlos, nascido para comer. O quarto cheira a fritos, a comida.

4 Comments:

At quinta-feira, 29 dezembro, 2005, Blogger Luisa Santos said...

O quarto de uma anoréctica

O quarto é a casa. Tem uma janela alta para ver o mundo que conhece e sonhar o mundo que desconhece. Roupas M que já não veste mas deixa orgulhosamente no guarda roupa para vestir e lembrar a sua vitória. Tem uma lua pendurada no tecto onde se deita a descansar, a escrever e a sonhar. Mesmo sabendo que não lhe vale de muito sonhar. Os espelhos evitam-se, mentem-lhe. Dizem-lhe que tem os ossos à vista. Que disparate. Uma conspiração feita por espelhos, amigos e família, estão todos contra ela. Mas ela controla tudo. Passou de M a XXS. Sabe sempre que o seu número é o menor.
Ama o sol e a lua.
Agora está na lua. Em paz.

 
At quinta-feira, 29 dezembro, 2005, Blogger Zofia said...

Muito...............

 
At quarta-feira, 04 janeiro, 2006, Blogger Guitarrista said...

Hummm... desconfio. Se o Carlos é assim tão gordo, desorganizado e passo o tempo apenas a comer, julgo que o carto cheira a algo bem pior do que fritos. E não vou pormenorizar sobre as meias em cima do fogão ou os boxers no frigorífico...

 
At quinta-feira, 05 janeiro, 2006, Blogger Zofia said...

Ahhhhh...

 

Enviar um comentário

<< Home